Conceito Oficial de Naturologia


"A Naturologia é um conhecimento transdisciplinar que atua em um campo igualmente transdisciplinar. Caracteriza-se por uma abordagem integral na área da saúde pela relação de interagência do ser humano consigo, com o próximo e com o meio ambiente, com o objetivo de promoção, manutenção e recuperação da saúde e da qualidade de vida." (I Fórum Conceitual de Naturologia, 11/2009 - SC)

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Saúde e Doença: Um outro olhar

"Tuas forças naturais, as que estão dentro de ti,
serão as que curarão suas doenças. " (Hipócrates)

Muitas vezes vemos a doença como um sintoma corriqueiro e dificilmente paramos para pensar o que realmente nos levou a ter estes sintomas. A rotina do dia-a-dia, as preocupações com o mundo "fora" fazem nos esquecer de "conversar" com o nosso "dentro". É cômodo tomar um comprimido e continuar a burlar as nossas reais necessidades.
Pare, reflita, ouça e reconheça as necessidades do seu corpo!

Abaixo eu publico um texto que encontrei no blog da minha colega Naturóloga Daniela Girotto.


Sempre que sentimos algum mal-estar a primeira coisa que pensamos é encontrar uma maneira de fazer desaparecer o sintoma, pois somos imediatistas e tratamos apenas as aparências, não buscamos a origem ou as causas.

De um modo geral a saúde é encarada como um estado de não-doença, e é muito mais fácil tomar um medicamento para aliviar a dor do que compreender a mensagem que o organismo está sinalizando.

A grande maioria das pessoas procura um profissional da área da saúde somente quando está sentindo dor ou desconforto, buscando não apresentar mais os sintomas, ou seja, voltar ao estado anterior à doença. Mas, para a Organização Mundial de Saúde, o conceito é mais amplo, “saúde é um estado completo de bem-estar físico, mental e social e não meramente a ausência da doença ou enfermidade”.

Edward Bach acreditava que saúde é a perfeita harmonia entre alma, mente e corpo; e a doença, o resultado do conflito entre alma e mente.

Bach julgava a doença benéfica para o paciente, pois nos aponta os nossos maiores defeitos, é o verdadeiro caminho para a “cura”. Saúde e doença, portanto, são aspectos de um mesmo movimento, é através do desequilíbrio que atingimos um novo equilíbrio e é através da doença que alcançamos a saúde.

Toda doença ou desconforto, por mais ou menos sérios que sejam, é um sinal que o nosso corpo dá indicando que estamos agindo erroneamente, que não estamos sintonizados com a nossa saúde, com as nossas vontades, com os nossos valores. É um sinal de que estamos contra nós mesmos e de que devemos entrar em contato com a nossa própria essência, desenvolvendo consciência do processo de vida e dos mecanismos que criamos para gerar a doença.

A cura completa vem essencialmente de dentro de nós e para Bach depende de quatro fatores:

1 – Compreensão da divindade dentro de nós e conhecimento de que temos a capacidade de superar todos os problemas.

2 – Entender que a doença é conseqüência da desarmonia entre alma e personalidade.

3 – Desejo e capacidade para descobrir o problema que está causando o conflito.

4 – Remoção do problema (desenvolvendo a virtude oposta).

É preciso estar atento à lição que a doença traz. Como tudo que acontece na nossa vida, a doença também tem um “para quê”: “para quê” possamos olhar mais para as nossas necessidades antes de olharmos para a necessidade dos outros, “para quê” encontremos horários de lazer no nosso dia a dia, mas principalmente “para quê” nos amemos mais.

Fonte: Blog Naturologia Mococa

0 Comentários:

Postar um comentário

Comentários são sempre bem-vindos! Obrigada e volte sempre!