Conceito Oficial de Naturologia


"A Naturologia é um conhecimento transdisciplinar que atua em um campo igualmente transdisciplinar. Caracteriza-se por uma abordagem integral na área da saúde pela relação de interagência do ser humano consigo, com o próximo e com o meio ambiente, com o objetivo de promoção, manutenção e recuperação da saúde e da qualidade de vida." (I Fórum Conceitual de Naturologia, 11/2009 - SC)

domingo, 6 de setembro de 2009

Naturologia, a ciência da saúde integral!

A Naturologia busca promover, manter e recuperar saúde do ser humano de forma integral, baseando-se em métodos milenares de condutas terapêuticas como a Medicina Tradicional Chinesa, Ayurvédica e Xamânica.

Por muito tempo "saúde" foi definida como ausência de doença. Hoje a Organização Mundial da Saúde define "saúde" como um estado de completo bem estar físico, mental e emocional, e não apenas a ausência de doença.

A Naturologia utiliza a promoção da saúde e qualidade de vida como um de seus pilares, aliado às noções de prevenção de doenças e do tratamento através das práticas naturais. O Naturólogo promove a educação em saúde construindo uma relação terapêutica que fortaleça a autonomia do indivíduo e o convida a refletir sobre seu papel ativo na terapia em busca da sua qualidade de vida.

A abordagem terapêutica da saúde integral considera os aspectos físicos, mentais e emocionais do individuo, suas relações sociais e com o meio ambiente, seus hábitos alimentares, de atividade física, qualidade do sono, lazer e comportamento preventivo.

A Organização Mundial da Saúde (OMS), reconhece o uso das terapias complementares e integrativas em benefício do bem estar físico, mental e emocional e qualidade de vida. As terapias não objetivam substituir a medicina convencional e também não são alternativas, mas complementares aos cuidados da saúde e podem também trabalhar de forma integrada a equipes interdisciplinares agregando qualidade nos resultados esperados.

O curso de graduação de Naturologia Aplicada é uma proposta inovadora na área da saúde que surgiu pioneiramente em 1998. O bacharel em Naturologia Aplicada é capacitado a utilizar terapias complementares e integrativas como Massoterapia, Reflexoterapia, Hidroterapia, Geoterapia, Fitoterapia, Florais, Aromaterapia, etc; além promover atividades de educação em saúde em empresas, clínicas, spas, casas de repouso e demais estabelecimentos.

Acupuntura: A acupuntura é uma técnica de tratamento e prevenção de doenças que consiste no estímulo de determinados pontos localizados da superfície da pele por todo o corpo. Podem ser utilizados neste processo agulhas, stipers, esferas, ventosas, massagens, e até o calor proveniente da queima da moxa, preparada à partir da erva artemísia, técnica conhecida como moxabustão.
A acupuntura é eficiente para dores em geral, especialmente do aparelho músculo-esquelético, enxaqueca, insônia, distúrbios menstruais, gastrite, distúrbios respiratórios (sinusite, asma, etc.), stress, distúrbios hormonais, paralisia facial, incontinência urinária, entre outros.

Aromaterapia: É a utilização das propriedades terapêuticas dos óleos essenciais e pode serimplantada em diferentes situações da vida moderna, através de cremes de massagem, óleos de banho, cremes hidratantes, xampús, sabonetes, uso de aromatizador pessoal, aromatizador de ambientes, tônicos para pele, dentre outros usos.

Fitoterapia: A Fitoterapia utiliza as plantas e ervas medicinais para fins terapêuticos através de chás, xaropes, tinturas, banhos, compressas, cremes, sabonetes, xampús dentre outros usos. Esta é a prática natural mais conhecida e difundida na atualidade e possui grande aceitação e reconhecimento pela população e demais profissionais da área da saúde.

Florais: São essências florais que auxiliam a equilibrar as emoções diante das diferentes situações do dia-a-dia. Foram inicialmente criados por Dr. Edward Bach no sistema de Florais de Bach porém, hoje existem também outros sistemas onde cada essência floral é indicada a uma situação específica, promovendo estados positivos e melhorando a qualidade de vida do indivíduo.

Geoterapia: É a utilização da argila para fins terapêuticos. Na argila há três principais componentes geológicos: o quartzo, a mica e o feldspato, e além dos componentes geológicos, contém também componentes químicos: a sílica, o alumínio, o ferro, o cálcio, o potássio, o magnésio e o titânio, que proporcionam inúmeros benefícios ao ser humano. A Geoterapia pode ser utilizada em banhos, cataplasmas, compressas, massagens, dentre outros usos.

Hidroterapia: A Hidroterapia utiliza a água como ferramenta terapêutica para tratar e prevenir desequilíbrios. É utilizada através de banhos parciais e completos, duchas, compressas, vaporização, ingestão, dentre outras. Não se têm evidências de quando a água foi utilizada pela primeira vez de forma terapêutica, porém sabe-se que Hipócrates já utilizava (460-375 a.C.) banhos para curar doenças.

Massoterapia:
Consiste em um conjunto de manobras e técnic
as específicas realizadas nos tecidos moles do corpo com finalidade terapêutica. A massoterapia é muito difundida por aliviar dores musculares, tensões e ter sua grande ação sobre as circulações sanguínea e linfática. Além disso, através do estímulo do toque, há liberação de endorfinas, o que proporciona uma sensação de bem estar e relaxamento.

Reflexologia: é uma uma técnica específica de pressão em pontos reflexos precisos localizados nos pés e mãos, com base na premissa de que áreas reflexas correspondem a todas as partes do corpo. É muito eficiente para prevenção e promoção de saúde durante as diferentes fases da vida.

Drenagem linfática: é uma massagem suave e lenta, que ajuda a reduzir a retenção de líquido no corpo. É indicada para reduzir edemas e linfedemas, gestantes que apresentem sintomas de típicos de inchaço na gravidez, diminuir a retenção de líquidos, melhorar a circulação sanguínea (varizes e microvarizes), melhorar o funcionamento dos intestinos, efeitos estéticos (acne, rejuvenescimento, celulite, pré e pós cirurgia plástica, edema palpebral), relaxamento e bem-estar, entre outros.

Talassoterapia: A palavra Talassoterapia deriva do grego, Thalassa = mar e therapia = terapia. Esta prática natural utiliza os elementos marinhos (água marinha, sal marinho, algas, brisa, etc.) como ferramenta terapêutica. Esses elementos marinhos são ricos em minerais (cálcio, magnésio, fósforo, potássio, ferro, sódio, enxofre, cloro e iodo) e oligoelementos (zinco, cobre, manganês, cromo, selênio, molibdênio, flúor e o cobalto) que proporcionam muitos benefícios à saúde. A talassoterapia é realizada através de banhos, compressas, chás, cataplasmas, vaporização, alimentação, dentre outros usos.

Trofoterapia: U
tiliza orientação alimentar através dos alimentos naturais, integrais e orgânicos (cultivados livre de adubos sintéticos e agrotóxicos) que auxiliam na melhora da resistência do organismo às doenças, regenerando o corpo e prevenindo osteoporose, anemia, doenças cardiovasculares, hipertensão, obesidade, diabetes, gota, câncer e desnutrição. Saber alimentar-se é condição indispensável para ser saudável.

0 Comentários:

Postar um comentário

Comentários são sempre bem-vindos! Obrigada e volte sempre!